Minha Infância

Eu nasci em uma família simples, de classe baixa, porém uma família honesta. Era a 6ª dos 8 filhos. A caçula das meninas, no total 6 meninas e dois meninos. Minha mãe um doce de pessoa, viveu toda a vida pelos filhos e marido, quase não saía de casa, a não ser para levar algum de nós para a escola ou médico, de vez em quando na igreja. Meu pai sempre um homem duro, sério, rude, nunca quis ser crente, e ainda, as vezes proibia minha mãe de ir a igreja. Lembro-me de uma vez que ela me levou na igreja Deus é Amor, acho que tinha uns 4 anos, mas aquela imagem não me sai da cabeça: Ela levou um maço de cigarro do meu pai e uma peça de  roupa dele para receber oração A partir dali eu passei a começar a ter fé em Deus...

Nenhum comentário:

Postar um comentário