ÚLTIMOS TEMPOS - ACORDA IGREJA


Vejo!
Homens em reuniões, em recâmeras secretas
Discutido leis, ainda encobertas
Planejando o mal contra igreja de Deus (lá em Brasilia)
Vejo!
O pecado se espalhando nas cidades, em rápido tempo
E a sensualidade vai entrando até dentro dos templos
E muita gente pensando que está viva, mas já morreu
Vejo!
Homens brigando por poder, dentro das igrejas
Esquecendo que Jesus falou que a nossa peleja
É contra a hostes infernais da maldade
Vejo!
As dez virgens esperando o noivo, mas todas dormindo
Enquanto isso o azeite das loucas, está sumindo
Mas Deus me trouxe aqui para acordar, toda esta cidade
Acorda igreja, Deus me manda te avisar
Acorda igreja, a "coisa" vai apertar
Acorda, acorda, acorda, aí vem o esposo
Acorda igreja, é tempo de juntar os pés
Acorda igreja, o céu espera os fiéis
Acorda, acorda, acorda, Jesus vem de novo
Arrebatamento é uma realidade
Que precisa ser pregada doa quem doer
O céu existe, o inferno também
O destino da viagem quem escolhe é você
O céu está pronto para receber os salvos
Mas há muitos apegados com as coisas daqui
Uns querem reencarnar, outros desfrutar da terra
Eu fiz negócio pra subir
Subir, subir, subir, subir
Este é o alvo da igreja, eu não quero amizade com quem quer ficar aqui
Subir, subir, subir, subir
E ouviu-se um clamor, o noivo vem aí
Arrebatamento é uma realidade
Que precisa ser pregada doa quem doer
O céu existe, o inferno também
O destino da viagem quem escolhe é você
O céu está pronto para receber os salvos
Mas há muitos apegados com as coisas daqui
Uns querem reencarnar, outros desfrutar da terra
Eu fiz negócio pra subir
Subir, subir, subir, subir
Este é o alvo da igreja, eu não quero amizade com quem quer ficar aqui.
Subir, subir, subir, subir
E ouviu-se um clamor, o noivo vem aí
Eu espero ouvir Jesus a me chamar
SAMUEL MARIANO

A outra face da submissão

Não é fácil para uma mulher submeter-se a um homem “em tudo”. Como marido você pode colaborar com isso, procurando ser justo e examinando detidamente o ponto-de- vista dela, e acatando-o quando for possível, sem ceder em seu papel de cabeça. Se a esposa for colérica e o marido melancólico, ele não deve espantar-se, se muitas das sugestões dela forem mais práticas que as dele.

Será mais fácil para a esposa respeitar o marido, se ele for um bom líder. O amor e o respeito andam sempre juntos; um não pode persistir por muito tempo sem o outro. Para manter o amor da esposa, o marido tem que conquistar o respeito, e creia, o marido precisa do respeito da esposa.

 Ef 5.21 “submeti-vos uns aos outros no temor do Senhor”. Os cônjuges que sinceramente se sujeitam um ao outro não tem a menor dificuldade em aceitar o ensino bíblico com relação às suas funções e a observância delas. Assim eles se auxiliam mutuamente no cumprimento de seus papéis dentro do lar. 

O papel do marido vai além de pagar as contas

Deus colocou o homem numa posição de autoridade que deve ser exercida com amor genuíno (1Co 11.3). Só existirá autoridade quando o marido é sujeito a Cristo e a esposa é submissa ao marido. Se um desses relacionamentos é quebrado, a autoridade no lar sofre dano, surgindo desordens e amarguras.
“ Maridos amem as vossas esposas como Cristo amou a Igreja e a si mesmo se entregou por ela ” (Ef 5.25).

O marido deve ter prazer em honrar sua esposa, exaltá-la, fazê-la sentir-se respeitada e estimada. Quando a esposa é tratada dessa forma, em quase todos os casos, voluntariamente e espontaneamente reconhecerá a autoridade do cabeça. Esta atitude do marido para com a esposa, deve também existir dos pais para com os filhos.

“ Maridos, vós, igualmente, vivei a vida comum do lar, com discernimento e tendo consideração para com a vossa mulher como parte mais frágil; tratai-a com dignidade, porque sois, juntamente, herdeiros da mesma graça de vida, para que não se interrompam as vossas orações ” (1 Pd 3-7).